Arquivo da categoria: cosméticos

Produtos hidratantes no tratamento de melasma

Os produtos hidratantes para a pele são eficazes e podem aumentar o teor de umidade da epiderme, ajudando a restaurar a função de barreira da pele contra melasma.

Produtos hidratantes para tratamento de melasma reduzem a secura e descamação da pele e tornam a pele lisa. Eles são divididos como oclusivos, umectantes, emolientes e rejuvenescedores.

Tipos de produtos hidratantes no tratamento de melasma

Os produtos hidratantes para melasma oclusivos podem formar uma camada hidrofóbica na superfície da pele para evitar a perda de água, como vaselina, por exemplo.

Os umectantes são capazes de aumentar o teor de umidade da pele, atraindo água da derme e do meio ambiente, como hidroxiácidos. Emolientes podem melhorar a aparência e a textura da pele. A maioria desses produtos são ácidos graxos essenciais em óleos naturais.

Por sua vez, os cremes rejuvenescedores são usados para suplementar as proteínas essenciais da pele, como colágeno, queratina e elastina. Muitas vezes essas produções estão na forma de máscaras hidratantes para melasma.

Comprovações científicas dos produtos hidratantes para melasma

Um estudo da USP mostra que a função de barreira cutânea do melasma foi interrompida e a perda de água do melasma não esteve diferente daquela do ambiente , mas a taxa de recuperação da barreira nas peles com lesões estava atrasada.

Uma vez que a barreira da pele é destruída, a capacidade de hidratação diminui, portanto, um círculo vicioso se forma. Nesse sentido o ressecamento e a destruição da barreira cutânea leva à pigmentação da pele ou ao melasma.

Ao mesmo tempo, o tratamento de rotina do melasma, como terapia a laser e aplicação local, também interrompe a função de barreira da pele.

Portanto, o uso de produtos hidratantes todos os dias pode ajudar a restaurar a função de barreira da pele e melhorar as lesões cutâneas de pacientes com melasma.

Dermocosméticos para melasma

Os dermocosméticos são produtos médicos para o cuidado da pele, um fármaco vendido como cosméticos tradicionais e medicamentos.

Em comparação com os cosméticos usuais, dermocosmético apresenta melhor segurança, estabilidade, conforto e eficácia cujo mecanismo principal é aumentar o teor de água e a composição lipídica do estrato córneo para reparar a epiderme, reconstruir a barreira cutânea.

Uma variedade de componentes em produtos médicos para o cuidado da pele desempenham um papel auxiliar no tratamento do melasma.

Por exemplo, os extratos de orquídea são compostos fenólicos que possuem propriedades antioxidantes. O arbutin é um glicosídeo de hidroquinona com grande capacidade de reduzir a atividade da tirosinase.

Outro ingrediente interessante é o extrato de soja que possui propriedades antioxidantes e pode suprimir a metástase.

Extratos de Aloe são conhecidos por apresentar propriedades hidratantes e antioxidantes, também podem promover a cicatrização de feridas e inibir a conversão de tirosina.

Extrato de Camellia tem efeitos hidratantes e melhora o melasma sem nenhuma reação adversa óbvia na clínica.

De uma forma geral, o uso racional de produtos médicos para o cuidado da pele para pacientes com melasma não só pode aumentar o teor de umidade da pele, restaurar a função de barreira, mas também ajudar a reduzir a pigmentação com menos efeitos colaterais.